Energia solar também pode ser gerada em dias nublados

O Brasil é um dos países com maior incidência solar, o que ajuda na produção de energia fotovoltaica.

Mas isso não significa que em dias nublados não aconteça este processo. Os equipamentos modernos possibilitam a geração de energia mesmo em dias nublados. Na Alemanha, líder mundial em consumo de energia solar, o inverno é muito mais intenso e a incidência de raios solares é bem menor que no Brasil.

Os painéis fotovoltaicos formam uma rede ligada ao inversor solar e recebem a energia liberada pelo sol – radiação solar –, convertendo a energia solar captada em energia elétrica. As beiras das nuvens podem funcionar como um espelho, refletindo a luz e aumentando o ângulo de incidência, chegando a uma superfície maior do painel.
O frio também pode aumentar a eficiência dos painéis, pela redução de resistência. Logo, morar em uma região onde o tempo é predominantemente frio e nublado não é impedimento para se investir em painéis fotovoltaicos.
Na última década, houve redução de 70% no valor de aquisição da energia solar. Este número gera, ainda, outro dado positivo: o tempo de retorno do investimento reduziu também em 70%. Se antes esta espera era de 25 anos, agora, ela dura, em média, oito.
“São muitas as vantagens financeiras e ambientais ao se optar pela geração de energia solar. Vivemos em um país com abundância de recursos naturais e que necessitam ser mais bem aproveitados”, afirma Gilberto Vieira Filho, presidente da Quantum Engenharia, empresa especialista em instalações fotovoltaicas.
A energia renovável é capaz de gerar cidades mais sustentáveis, com perspectivas de melhoras em mobilidade e até mesmo na qualidade do ar, já que o sistema reduz a emissão de gases de efeito estufa. Se o consumo da unidade for menor do que a energia gerada, pode ser entregue à companhia de luz e utilizada posteriormente em forma de crédito na conta de luz. A economia pode ser de até 95% nas contas de energia elétrica.

Fonte: http://www.portaldailha.com.br/noticias/lernoticia.php?id=41075

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *